BLOG

A Energia Solar funciona com o tempo nublado?

energia solar em dias nublados

A pergunta mais frequente que recebemos em relação a energia solar é: “O sistema funciona em dias nublados”?

Esse é um questionamento válido, afinal de contas a energia solar depende do sol e é natural que surja a dúvida do que acontece com a geração da energia quando o astro rei se esconde atrás das nuvens.

Para explicar o assunto, a Ponto Solar elaborou esse post que mostrará alguns fatores que influenciam na produção de energia elétrica a partir das placas solares.

Existe produção de energia mesmo nos dias nublados?

Sim! Um sistema fotovoltaico continua produzindo energia elétrica mesmo em dias de céu encoberto. É claro que nesse caso a eficiência energética diminui em razão da cobertura de nuvens.

Isso ocorre porque há uma relação direta entre a incidência de raios solares em uma placa fotovoltaica e a produção de energia. Uma maior incidência direta do sol na superfície das placas implica em uma maior produção de energia. Do modo inverso, uma menor incidência de radiação solar faz com que a produção de energia diminua.

Mas é preciso lembrar de dois pontos importantes: o primeiro é que mesmo nos dias nublados uma parte importante de radiação solar atravessa a camada de nuvens e chega até as placas solares, produzindo energia elétrica. O segundo é que o Brasil possui um levantamento estatístico da quantidade média de horas diárias de sol produtivas em cada microrregião do país. Desta forma, todo projeto para geração de energia fotovoltaica leva em consideração o município onde o painel será colocado e, dependendo da quantidade de radiação solar média do local, compensa-se a diferença de radiação solar com a colocação de mais ou menos placas solares.

Assim, a ideia de que os painéis solares não funcionam em dias nublados é um mito!

Outros fatores que influenciam a produção de energia solar

Além da incidência direta de raios solares, há outros fatores que influenciam a produção de energia elétrica em um sistema solar.

Um destes fatores é a temperatura elevada. Ao contrário do que muitos pensam, o excesso de calor prejudica a produção de energia solar. As temperaturas muito altas fazem com o que o sistema solar diminua sua eficiência. Cidades com temperaturas mais amenas conseguem um nível de produção ligeiramente superior àquelas com iguais características de radiação e que tem temperaturas mais altas.

Este fenômeno ocorre, pois, a temperatura altera a maneira como a eletricidade flui em um circuito elétrico. Temperaturas altas elevam a resistência do circuito, o que implica em uma perda de eficiência.

Outro fator que também vale a pena ser destacada é o papel da chuva na eficiência energética do gerador solar.

Se por um lado as nuvens carregadas diminuem a intensidade da radiação solar, por outro elas auxiliam na limpeza das placas. O pó acumulado sobre as placas pode representar perdas de até 5% na produção de energia e a chuva é uma boa aliada para remover esta camada indesejada.

>> Confira aqui como a manutenção do sistema solar é fácil e pode ser feita por você mesmo!

Por fim, destacamos que todos os sistemas solares produzem mais ou menos energia de acordo com as condições climáticas do local onde se encontram. Essas variações são verificadas com as mudanças de estações e são normais em sistemas onde o combustível é o sol.

A solução para compensar as perdas é bastante simples e eficiente e as vantagens de usar energia solar são muito grandes.

Quer comprovar isso?  Faça uma simulação e descubra quanto você pode economizar nas contas de luz produzindo energia limpa!

Além disso, temos dois textos aqui no Blog da Ponto Solar que deixarão mais claros quais são os benefícios que a energia solar traz para a sua vida:

>> Por que eu devo pensar em energia solar?

>> Por que as pessoas estão aderindo à energia solar?

 

Invista em Energia Solar com a Ponto Solar

Você reparou que são vários os fatores que influenciam a produção de energia elétrica por meio das placas solares. Além destes que tratamos acima, existem ainda outros: a orientação e inclinação das placas; tecnologias empregada nos inversores e a configuração das conexões das séries de placas.

Portanto, é fundamental escolher uma empresa de engenharia qualificada para fazer seu projeto de geração de energia solar.

Esta escolha determinará a eficiência do sistema de produção de energia solar.

Aqui na Ponto Solar cada projeto é único. Nossos engenheiros são qualificados e treinados em energia solar. Valorizamos a transparência e o relacionamento com todos os clientes que confiam em nosso trabalho!

Entre em contato conosco. Será um prazer falar de como a nossa paixão por energia solar também pode se tornar a sua!



Ligue para nós 41 3035 4500